11 de agosto de 2011

Dicas & Truques: Cebola

Cozinha: R. Cap. Melo, 338-648 - Stella Maris, Salvador - BA, 41600-610, Brasil
Acho que você veio até aqui esperando que eu te desse a fórmula mágica de como não parecer um cara fresco ao cortar uma cebola, certo amigo macho? Pois esqueça! Isso é humanamente impossível. A menos que você utilize (e acredite, eu recomendo) os recursos mecânicos disponíveis na sua cozinha conhecidos por processadores e liquidificadores.

A conta é simples: a cebola contém compostos sulfurados voláteis... Hã?! Compoque? Está bem! Esqueci que macho de verdade não conhece esses termos. A cebola contém enxofre. Os seus olhos contém água. Ao cortar a cebola ela libera o enxofre. Se você não perdeu aquela sua aula de química anos atrás, deve lembrar que enxofre + água = ácido sulfúrico. Então amigo macho, sossegue, mesmo que você fosse o próprio Chuck Norris ou o Charles Bronson, você ia derramar umas lágrimas cortando cebola, porque nem o Rambo aguenta ácido nos olhos. A dica que vou compartilhar aqui hoje, na verdade, tem mais a ver com conservar a cebola e não deixar a sua geladeira com aquela nhaca desagradável.

Todo mundo tem uma receita infalível para conservar cebola que não foi totalmente utilizada: passe óleo, margarina, envolva com papel, etc. A verdade é que nada disso funciona. O frio da geladeira vai fazer o trabalho dele de qualquer maneira e "queimar" a cebola com o tempo. O que eu recomendo e que costuma funcionar comigo é corte a metade da cebola ainda com a casca. Envolva a metade que você não usará com papel alumínio. O metal gelará a cebola mais rápido e ainda evitará que o cheiro se espalhe. Mas, não se iluda. Isso manterá a cebola intacta por, no máximo, 2 dias. Na hora de usar, corte a parte ressecada no topo e use a cebola normalmente.




2 comentários:

  1. O Chuck Norris não, ele, certamente, não chora!

    ResponderExcluir
  2. Bota ele pra descascar 1kg de cebola e a gente descobre. kkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir

Todos os comentários são bem vindos e as críticas construtivas são bem aceitas. Mas me reservo o direito de apagar qualquer comentário que contenha propagandas (SPAM), conteúdo vulgar ou ofensivo. Retribuo educação com educação.